sábado, 27 de março de 2010

A grande "jogada" da nossa Casa de Leis...


Assembléia Legislativa “reinventa” Montesquieu


Professor Nazareno*


Não resta a menor dúvida da importância de um Poder Legislativo para respaldar um regime democrático, mesmo no Estado de Rondônia, onde as coisas mais absurdas acontecem em quase todas as áreas, inclusive na política, essa premissa deve ser levada a sério. Montesquieu com a sua Teoria dos Três Poderes lançou as bases para o Estado moderno e hoje grande parte das nações segue este roteiro. E Rondônia não é muito diferente neste aspecto. O problema é que por aqui a função do Legislativo tem extrapolado os limites do bom senso e do aceitável: uma Lei proposta pelo deputado Jesualdo Pires do Partido Socialista Brasileiro acaba de ser aprovada pelo nosso Poder Legislativo. “Todo cidadão rondoniense já pode defecar nas rodoviárias do Estado e não pagará nada por isso”, anunciam solenemente os comerciais pagos na mídia.

Essa piada de mau gosto indica o fim do Poder Legislativo no Estado de Rondônia. A importância dessa lei para a população é de fazer inveja ao Conselho de Segurança das Nações Unidas. Algo digno da Conferência de Yalta na Criméia ou do Tratado de Versalhes. Como pode um Poder legalmente constituído legislar sobre uso de privadas em terminais rodoviários? Depois de "devolver" dinheiro ao Executivo por absoluta incompetência e falta de projetos, a Assembléia Legislativa do Estado de Rondônia proporciona mais este "mico" para o anedotário popular. Depois do “Futebol com Pimenta” e da “Ponte sem Estradas”, só faltava esta. Rondônia e os rondonienses somos achincalhados no mundo inteiro por causa destas tolices, deste absurdo extemporâneo. Deve ser por isso que a futura casa de leis será construída onde funcionava um circo. Basta acessar o Google Earth para constatar a triste ironia.

Precisamos de um Legislativo mais forte e atuante e que fiscalize as ações do Poder Executivo. O Estado vive uma greve na Educação com prejuízos para todos. Estamos sobrevivendo a uma pandemia horrorosa de dengue com vários casos de mortes. A Gripe Suína está perigosamente se aproximando. O Estado ainda não está preparado para a ressaca “pós-usinas” e precisa de ações urgentes neste sentido. A energia gerada por aqui não ficará no Estado. A questão ambiental precisa ser debatida. E enquanto isso “os caras” se reúnem para legislar sobre “defecar em rodoviária”. Precisamos de outro Legislativo, pelo visto. Não daquele que foi filmado pelo Governador Ivo Cassol, mas de um que realmente trabalhe em cima de projetos sérios e de grandes relevâncias. Todo Poder Legislativo é importante para qualquer sociedade.

“Temos que ter orgulho de ser rondonienses. Temos de exigir respeito, já que somos desta terra”. Porém está cada vez mais difícil seguir aquilo que a própria Assembléia Legislativa manda fazer. Ela mesma não consegue dar o exemplo. Falta-lhe competência ou boa vontade. É possível, no entanto, ter a certeza de que esta atitude folclórica do deputado pode estar respaldada na “visão tacanha” da maioria do nosso eleitorado. Como povo somos uma desgraça, um fracasso mundial, uma gentinha mesmo. Os nossos legisladores estaduais são incompetentes porque incompetente é o povo em geral que os elegeu. E o pior é que vamos reeleger, com pequenas mudanças, estes mesmos senhores para a próxima legislatura. Falta-nos uma visão política maior. Talvez se crie outra lei depois dessa: dar o papel higiênico para os usuários.


*O Professor Nazareno leciona na Escola João Bento.


10 comentários:

Valdemar Netto disse...

Se fosse em outro lugar do país eu até acharia que isso era uma piada, mas como aqui em Rondônia tudo é possível...

Arthur Alves disse...

é uma merda preocupar-se com a merda !

Rosana Silva disse...

Muito pertinente e correto o comentario do Sr. Jose. É exatamente o que pensei quando vi a propaganda na TV. E pior, gastaram uma grana preta, quer dizer, nosso dinheiro para mostrar essa matéria. Eu tenho vergonha pois a cidade está um lixo só, um buraqueira só, um alagado só quando chove mais de meia hora, enfim, estamos ao deus dará e os nossos legisladores muito preocupados com o pipi.... isso é uma vergonha, mas vergonha são para pessoas normais....

Franklin Junior Farias Duarte disse...

Hoje nosso estado está sim evoluindo! , 'os caras' falam isso que tipo de legisladores nos temos? Foi como meu amigo Nazareno falou enquanto nosso estado tem prioridades com outras coisas bem mais vantajosas para os rondonienses, eles ficam conversando sobre defecar em privadas. Isso e um absurdo nosso estado não tem infra-estrutura para se quer, comporta o grande fluxo de pessoas que reside no momento e que estão por vim. Apesar de isso ser lei a partir de agora e nosso dever fazer com que a mesma seja comprida e inclusive denunciar qual o terminal que não está de acordo com a lei. Essa lei já devia está incluso à muito tempo não fizeram mais que o dever deles, são pagos para isso mesmo. Enquanto eles se enchem de dinheiro a cada dia chegando a receber quase 50 mil por mês com sessões e outras coisas mais, em qual eles apenas enrolam 10 minutos e terminam ganhando 900 reais por isso cada sessão, e isso mesmo rondoniense eles recebem essa quantia por ficarem 10 minutinhos lá, para debaterem coisas importantes e vem com essas coisas. Isso e uma calamidade onde vamos parar? Somos rondonienses e temos que fazermos jus com isso.

Wilson Miranda disse...

Realmente professor é uma lástima a ALE ter que se preocupar com uma mijadinha. Mas convenhamos o usuário paga a taxa de utilização e mais a da mijadinha, logo, alguem está errado, ou não deveria ser cobrada desde "há sempre" e na segunda hipótese alguem tinha que colocar os pontos nos "iiis". Será que continuar cobrando a taxa tirando ainda mais do usuário já é uma obra visando o periodo pós usinas? Se sim, e o valor cobrado antes das usinas? Fica dificil se convencer alguem a investir no Estado quando a capital tem um prefeito de férias permanentes, que não precisa respeitar a lei eleitoral e o MP eleitoral esquece de apresentar a denuncia abrindo uma conta específica para a campanha e o MP eleitoral esquece de fazer a denuncia, o Prefeitohá muito esqueceu de trabalhar, mas não esqueceu da propaganda...R$R$

Marx disse...

Mandou ver professor!!!

Antônio de Souza Alencar disse...

De novo professor o senhor nos manda um bom texto. A nossa assembleia está um lixo mesmo. Parece que os deputados não tem o que fazer depois de tanta coisa acontecendo no nosso estado. O pior é que o povo que é eleitor não ver nada disso e agente continua nas mãos desses maus políticos. Fazer cocô nas rodoviárias do estado sem precisar pagar nada porisso parece ter muita importancia mesmo para esses políticos. Depois ficam falando mau dos seus textos mas a verdade tem de ser dita sempre. De novo parabéns ao senhor e ao rondoniaovivo por abrir as nossas cabeças. OBRIGADO.

José Ribamar da Silva disse...

É lamentavel vermos um poder do Estado legislando sobre uso de privadas nas rodoviárias; e pior, sair gastando dinheiro que economizdoo com o massacre salarial dos servidores para divulgar isso. Será que foi isso que nossa ALE se tornou.

Pedro de alcântara Nogueira disse...

Meus parabéns professor pelo artigo muito bem escrito e em boa hora, essa nossa assembleia a muito esta fadada ao fracasso, com tantos problemas enfrentados pelo estado como saude, educação e segurança esta legislando sobre merda e mijo não é hilariante? Não estou me referindo a todos os parlamentares, mas algo em torno de 99% é incompetencia para burro nenhum botar defeito!!!

Juniel Silva Lima disse...

Professor nazareno, seu texto é muito oportuno, perfeito! Só não sei se os deputados concordam, mas devem concordar ou pelo menos deveriam, né? Fazem o que foram colocados lá para fazer e fazem bem feito porque é só o que sabem fazer estão legislando sobre o que eles mais entendem, fazer merda com o dinheiro público!!!!! Imaginem vocês eleitores, ir a rodoviária ai pinta aquela vontade de ir ao banheiro e poder usarporque não tem nem um trocado. Só não acha importante essa lei quem nunca passou por essa situação, uma dor de barriga em hora indesejada. Mas daí a pagar pra divulgar isso na mídia p. que pa... é brincadeira!!! É disso que o nazareno está falando!! Acho!!!