quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Falaram mal de Rondônia. Pode?


Por que falam mal de Rondônia?


Professor Nazareno*


A atriz e cantora global Angélica em uma recente entrevista que deu à revista Veja falou muito mal da cidade de Ariquemes. Disse que o lugar fica situado no "fim do mundo à esquerda". Uma aberração, um acinte, uma declaração absurda que além de preconceituosa, demonstra o quanto muitas pessoas do Sul do país vêem de forma equivocada a nossa querida Rondônia. Por isso, de maneira bastante pertinente, todos nós que amamos esta terra devemos defender o nosso chão e dizer para essas figuras desinformadas os nossos reais valores. Devemos fazer uma corrente cívica e mostrar aos quatro cantos do Brasil toda a nossa pujança, todas as nossas qualidades, pois se falaram mal de Ariquemes, vão querer também falar mal de Porto Velho e do Estado como um todo. Por isso devemos ficar em alerta máximo e rebater qualquer crítica injusta.

Fiquem sabendo, senhores habitantes do Sul maravilha, que somos uma potência em expansão. Somos orgulhosamente a capital mais suja do Brasil. Em qual cidade deste país se encontram tantos cachorros e bichos mortos apodrecendo nas ruas? Qual é a capital deste país cujos habitantes conseguem sobreviver tranquilamente com apenas três por cento de saneamento básico e menos de 20 por cento de água encanada? Só nós. Falem qual é, dentre as capitais nacionais, aquela que tem mais viadutos e obras inacabadas. Batemos o recorde de construções abandonadas pelo poder público, esta é a grande verdade. Vocês estão com inveja de Porto Velho, isso sim. Além do mais temos uma das melhores coletas de lixo do Brasil. Somos certamente uma das cidades mais arborizadas do mundo. Acreditem: se Deus não for brasileiro, é rondoniense.

O nosso trânsito faz inveja a Rio de Janeiro ou São Paulo de tão organizado que é. Raciocinem com a razão, senhores habitantes do Sul maravilha, e respondam: qual a cidade da região de vocês que tem um Hospital como o João Paulo Segundo? A própria Rede Globo veio aqui e mostrou como os rondonienses sabem tratar a saúde pública. Vocês, em vez de falarem mal de nós, deviam copiar os nossos exemplos. Qual, dentre os Estados do Brasil, o que tem uma Assembléia Legislativa tão atuante quanto a nossa? Os nossos políticos são os melhores e mais honestos do mundo. Aqui não se elegem fichas sujas, incompetentes nem sanguessugas. Nós devíamos era servir de exemplo para o país inteiro. Nós pagamos sem problemas 15 aposentadorias e pensões a ex-governadores e gastamos 300 mil reais por mês. Nenhum Estado deste país faz isso.

Parem de falar mal de Rondônia, seus invejosos. Aqui é o verdadeiro paraíso na terra. A nossa Internet é de primeira qualidade e já estamos pensando em terabites e cabos de fibra ótica. Nem em São Paulo a grande rede é tão eficiente como em Porto Velho. A nossa energia é boa e barata e nunca nos falta. Os preços dos aluguéis aqui são de fazer inveja a qualquer lugar do planeta de tão baratos que são. Saibam vocês que já podemos ser comparados a São Paulo e para isso basta uma simples chuvinha de verão. Os mais perigosos bandidos e traficantes do país estão em nossas cadeias. O nosso futebol é um dos melhores do país. Onde se torce sentado em bares? A nossa cultura é ímpar. Nada se copia por estas terras. Curitiba, por exemplo, se orgulha de ser "isso e aquilo", mas copiou o nosso sistema de transporte coletivo, um dos melhores que há.

A imagem da nossa televisão em HD é a melhor do país, seus bobos. Os nossos jornalistas são os mais respeitados que se conhecem. Aqui há os que defendem Papai Noel, os que adoram hinos e aqueles que jamais se vendem a qualquer Governo. Dengue, Leptospirose e Malária são patologias quase extintas por aqui. Pode existir Aftosa, mas é no gado apenas. A nossa Universidade Federal, a Unir, vai ganhar um prêmio da UNICEF pela sua grande competência em organizar concursos vestibulares e é conhecida no mundo inteiro como "um ninho de intelectuais". Em todo o Brasil, seus tolos do Sul, não existe ensino superior melhor do que o nosso. Além do mais, Rondônia é a Meca dos eleitores conscientes já que reconhecemos "o grande trabalho" e reelegemos quase toda a atual bancada na Assembléia Legislativa. Por isso, parem de falar mal de nós. Vocês não têm moral para isso e inveja mata. Podíamos, por causa disso, boicotar a Globo e decretar a falência total dessa emissora. Gostaria de saber qual é o lugar que fica no fim do mundo à direita. Seria a nossa querida Porto Velho ou Jaru?


É Professor em Porto Velho.

34 comentários:

Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Junior disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Junior disse...

kkkkkkkkkkkkkk
é a realidade, quase não fazemos parte do brasil... mas uma coisa é certa, é uma boa cidade para ganhar dinheiro em!

elias disse...

Gostei muito da maneira que o senhor utilizou a ironia para rebater aqueles que falam mal de Rondônia.Parabens professor o senhor sim e sabe defender os nossos valores.E ainda sendo ironico!

Regina Ribeiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Regina Ribeiro disse...

Gostei da sua forma 'irônica' de escrever, mas tenho certeza que isso não ajudou em muita coisa, nenhum lugar é perfeito, o Brasil não é o mundo não é.
Não sou ariquemense, mas moro aqui há a algum tempo, e amo essa cidade, pois não há um lugar melhor pra se ganhar dinheiro do que aqui.
Eu fui uma dos que se defenderam e postei no twitter a baixaria que a Angélica fez, inclusive mandei para o próprio twitter dela. Acho que assim que é ajudar alguma coisa e não nos rebaixar mais ainda do que somos, não estamos passando fome pra chegar a tal ponto de humilhação.
Acho que você poderia ter ajudado muito mais, já que é um professor.

Att.

LEO & LUCAS disse...

Pessoas que são públicas, como Angélica, em primeiro lugar não deveriam e nem poderiam se referir a qualquer lugar do mundo quer seja, dessa maneira, afinal é o público quem faz o sucesso dela, uma mulher dessas, que não dar valor a opinião pública não merece que percamos nosso tempo, assistindo bobagens ditas por ela, ela se mostrou uma tremenda MÁ EDUCADA, Além do mais, a nossa Rondônia, éa fonte mais rica no potencial da maior fonte de VIDA, a ÁGUA!! Em um futuro muito breve, o planeta precisará utilizar nossa água, para sobreviver....
Então, para todas as pessoas que não tem opinião propria, ou nem ao menos sabe o que falar, ao invés de criticas destrutivas, divulgue as nossas riquezas naturais, divulgue sobre as pessoas educadas e bem intencionadas que moram aqui no nosso estado, nossa cultura, nossa culinária e principalmente o incrível desenvolvimento que estamos tendo com a vinda das usinas.
E se é pra falar mal, como ainda tem gente que escuta a Angélica cantar?? O mulher que tem a voz horrorosaaaaaaaaaaa....

junior disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkk eu em sua ironia me comove

Graziele disse...

Adoram tanto nos criticar pelo o que ouvem falar, sem ter o 1% de conhecimento do que realmente acontece no estado como um todo. E o mais engraçado, é que o "fim do mundo" é que vai gerar energia de graça para os senhores bem informados do sul...

Estéfane Rocha disse...

pow esse povo de merda, vem aki pra sugar o nosso dinheiro e ainda saem reclamando...o q é isso? essa reação dela é pelo fato de em 1980 e alguma coisa, fez um show em Ariquemes e não deu ninguém...pra falar q não deu foram apenas 35 pessos no máximo...rss.
eu só sei q o povo de Rondonia, principalmente de Ariquemes estão revoltados com isso...q possamos mostra pra 'esses' q nós somos capazes e melhores em td...qer dizer em muitas coisa...

junior disse...

ei professor esqueceu de mencionar sobre os espetinhos de gato que só a em nossa região

Daiane disse...

primeiramente ela só manchou a sua imagem aqui em Rôndonia.
E o modo que o senhor se expressou com a irônia foi muito empolgante ,
pelo jeito ela não sabe que aqui a muitas riquezas e até parece que são paulo é uma maravilha para se viver.

E viva o terceirão 2011 \O/

maycon disse...

Professor nazareno o senhor deveria ganhar um prêmio. Quem nessa cidade é mais crítico que o senhor? Obrigado por ter me dado um ano inteiro de aula.to sentindo falta sabia? Onde vou arranjar inspiração para elogiar rondônia? Nas ruas?
EUAUEAUEAUEU

Blog Test disse...

É a consciência cívica que faz o lugar, gostei da ironia... Que continuem elegendo esse bando que só rouba... Verão o Progresso...? Não sei nao hein... Abraços!

Anônimo disse...

Pra você ver a quantas chega nossa ignorância. Clovis Bezerra- João Pessoa

Maiara Cássia disse...

AI APLAUSOS PRA ESSE ESCRITOR SOU RONDONIENSE E ME ORGULHO DISSO... SOMOS GURREIROS DESTEMIDOS SEM MEDO,,, AO CONTRARIO DO SUL MARAVILHA,,,NAO PODEMVER UMA CHUVA QUE VEEM NOS PEDIR AJUDA

Comentário retirado do site www.rondoniaInFoco.com.br

Sirléia Knaak Kuster disse...

Rondônia tem a Bandeira mais bonita do Brasil.
Tenho orgulho de ter nascido aqui...
RO é um paraíso, beleza e riqueza não faltam.

C0om,entário retirado do site www.rondonoticias.com.br

Marco Carneiro disse...

Pois é...fora que não achei nada ofensivo nos comentários da artista. E o povo não se ofende pela forma como é administrada as coisas públicas por aqui. E pela carência de leitura do povo de cá ainda vão achar que você é um típico bairrista.
São as contradições do povo de cá incapaz de compreender a realidade que o cerca, e que ainda perdem tempo dando tapinhas na costa de um vereador que ao invés de trabalhar para o povo fica alimentando essas picuínhas inbecís típicas de aluno de ensino fundamental.

Roberto disse...

QUANTA BOBAGEM... QUE FALTA DE TER OQUE ESCREVER...TENHO PENA.DEVERIAMOS ERA PARAR DE FICAR SE IMPORTANDO COM AS BOBAGENS QUE OUTROS IDIOTAS FALAM DE NOSSAS CIDADES E DE NOSSO ESTADO, E CADA UM, REALMENTE FAZER ALGUMA COISA PRA MELHORAR, MAS ALGUMA COISA DE PRÁTICO MESMO, NÃO DE BLABLABLA.


Comentário retirado do site www.rondoniadinamica.com.br

'Lisboa disse...

Em uma aula de literatura com o professor Moreira, um aluno perguntou: "Como reconheço uma ironia em um texto?", Vou recomendar o seu texto a esse aluno. Mas realmente, o texto está ótimo.

Anônimo disse...

É uma pena que não são todas as pessoas que têm o privilégio de conhecer um sociedade organizada, o mais triste ainda é a certeza da distância que Porto Velho e o resto de Rondônia está desta organização.

Patrícia, Celeste, Cristiane... disse...

Celeste - 10/02/2011

Pergunto: Desde quando as cidades as quais o comentarista escreve,são no Sul do país...Evidentemente que Sao Paulo e Rio de Janeiro,sao no Sudeste...Paciência né....depois ..depois

Fernando Jeff Mendes da Silva - 10/02/2011

Como sempre o grande mestres das palavras professor Nazareno da um show, mostrando a realidade do nosso estado, que todos tem medo de falar.

fernanda - 10/02/2011

essa Angelica num se enxerga não ela deveria era ser processada isso sim

Cristiane Mattos - 10/02/2011

Parabéns pela crônica! Sou gaúcha e estou reisidindo em Porto Velho a cerca de 8 meses. Alguns rondonienses torcem o nariz para o pessoal do Sul, nos acham arrogantes, prepotentes e reclamões. Mas no fundo apenas mantemos o cerne da indignação, pois não conseguimos entender como um estado com tamanho potencial se submete a viver na pobreza, descaso e abandono.

Patricia - 10/02/2011

Adorei a ironia.Muito bom mesmo.Parabéns pelo tapa com "luva-de-pelica".

Comentários retirados do site www.rondoniaovivo.com.br

Andrade, Maurício, Hudson, Lucas disse...

Andrade - 10/02/2011

Respondendo a sua pergunta "Profesor Nazareno" o lugar que fica no fim do mundo à direita deve ser a casa da Sra. sua mãe.

marcos vinicius mai - 10/02/2011

parabens Nazareno concordo plenamente com vc como vc disse alguns ainda acredita em papai noel e defende isso.Terra muito boa tudo que se planta da e rica so precisa saber administar.Quanto ao comenterio de que nao convidaram ninguem para morar aqui isso e verdade mas se nao fosse as pessoas do nordeste,sul e centro oeste estarem aqui plantando,gerando emprego trabalhando,acredito que rondonia ainda so teria os indios e nao alfabetizados vivendo apenas da caça e pesca.

lucas leiva - 10/02/2011

CONCORDO COM A CRONICA DO PROFESSOR EM GENERO NUMERO E GRAU.... SÓ NÃO CONCORDA QUEM NÃO QUER VER..

Mauricio - 10/02/2011

Parabens professor nao lhe conheço mas ja estou virando admirador de suas cronicas, o pior cego e quem nao quer enxergar e infelismente existem muitos rondonienses e porco velhenses que nao querem enxergar a situação local e insistem em dizer que aqui e o melhor lugar do planeta ainda querendo comparar e criticando lugares desenvolvidos com uma população 100 x maior que aqui mas com metade dos problemas daqui. Continue com seus comentarios abrindo os olhos da população para realidade absurda que vivemos aqui mas sem puxar a sardinha da corja do homem do chapeu.

hudson gomes de souza - 10/02/2011

PRA MIM VOCE NAO PASSA DE UM LINGUA DE CHUCLETE. APESA DE SER OTIMO EM PORTUGUES.NASA HÀ CRSTIANE VOCE DEVE SER MAIS UMA PASSA FOME QUE PORTO VELHO ACOLHEU E AGORA TA DESDENHANDO.POBREZA DEVE ETR NO SUL POIS NAO TEM NEM EMPREGO.NADA PESSOAL.

Ronaldo Villar - 10/02/2011

Para muitos que vem do sul, chega em Rondônia, em qualquer município vai lembrar do velho oeste americano. Estamos crescendo ainda. O amadurecimento das cidades de Rondônia é lento. Diferente da expansão comercial e enriquecimento de exploradores e colonizadores do próprio sudeste ou sul. O hino do estado devia ser música Sertaneja.

Ronaldo Villar - 10/02/2011

Para muitos que vem do sul, chega em Rondônia, em qualquer município vai lembrar do velho oeste americano. Estamos crescendo ainda. O amadurecimento das cidades de Rondônia é lento. Diferente da expansão comercial e enriquecimento de exploradores e colonizadores do próprio sudeste ou sul. O hino do estado devia ser música Sertaneja.

genecleiton - 10/02/2011

BOM SEU NAZARENO SE VC PENSA IGUAL A ANGELICA SO E CAIR FORA DO ESTADO , AFINAL AS PESSOAS RESIDEM AQUI PQ QUEREM NINGUEM E OBRIGADO , PROBLEMAS TODOS OS ESTADOS TEM OU DEVO FALAR DE SAO PAULO AS ALAGACOES EM UMA METROPOLE"" E O RIO OS MORROS SEMPRE MATANDO PESSOAS SOTERRADAS FAZER OQUE NAO E SO RONDONIA E BRAZIL ....

RUSSO DE OLIVEIRA - 10/02/2011

SOU NASCIDO E CRIADO AQUI EM RONDÔNIA, E DEVO ADMITIR QUE É MUITO OPORTUNA, SALUTAR E VERDADEIRA A CRÔNICA AQUI EXPOSTA. É POR ESSAS E OUTRAS QUE SE PODE AFIRMAR, INVOCANDO A PASSAGEM BÍBLICA DE "GENESIS", QUE PRIMEIRO DEUS CRIOU O CÉU E A TERRA E TUDO O QUE HÁ SOBRE ESTA, E DEPOIS CRIOU RONDÔNIA, HOJE, "CARINHOSA" E NACIONALMENTE, CONHECIDA COMO "ROUBÔNIA". É POR ISSO QUE ESTE LUGAR É CONSIDERADO UMA CURVA DE RIO ONDE TUDO O QUE NÃO PRESTA ACONTECE OU PÁRA POR AQUI, COM O RESPEITO DEVIDO ÀS PESSOAS TRABALHADORAS QUE COM O SEU SUOR FAZEM A ALEGRIA E O BEM-ESTAR DE MUITOS GATUNOS QUE ESTÃO OU ESTIVERAM GRUDADOS NAS TETAS FARTAS DO ERÁRIO PÚBLICO ESTADUAL. FUI...

Comentários retirados so site www.rondoniaovivo.com.br

Roberto souza, Gilson, Jorge Santos, Dr. Marcelino... disse...

Angelica..Luciano e globo...vao tomar nu cu todos voces e vao a puta qui pariu com sao paulo.

roberto souza - 10/02/2011

Galera isso é bom pra Rondônia. Esse povo vem de fora morrendo de fome e pilhando nossa riqueza. Aqui há fartura de tudo e nem me importo o que acham lá fora. Não vai mudar em nada nosso estado..

doriane galvão costa - 10/02/2011

Parabéns professor mais acredito que quando chegou aqui chegou como dizia minha vó com uma mão no fecho e outra no facho,hj deve ter ganhado alguma coisa por aqui então caminho do feio e por onde veio vaza

Paulo Cesar - 10/02/2011

Caro Nazareno tenho certeza que o senhor não é de Rondonia,deve estar aqui por falta de opção eu sou do sul e amo esse lugar, até entendo que as pessoas de fora metam o pau aqui é um estado ainda em crescimento e eles não estão acostumado a algumas coisas que precisamos construir, agora o senhor dar rasão... dá licença... vai embora daqui urgente antes que alguem que ame mesmo este estado te de uma surra.

Gilson - 10/02/2011

Caro professor, concordo que aqui em Rondônia ocorrem grandes falcatruas nas obras públicas, verdadeiros superfaturamentos. Agora em relação ao título de capital mais suja do país, perdemos o título para Maceió capital de Alagoas, falo isso por que estive recentemente naquela cidade e pude observar o tal Rio Salgadinho que corta grande parte daquela cidade levando lixo e exalando podridão e lançando ao mar todos os detritos, isso sem falar do mercado do Cambona onde água com sangue oriunda dos restos de carnes e pescados que são comercializados naquela feira, isso sem falar no esgoto que corre à céu aberto... lá existe duas cidades, a feita para os turistas e a cidade dos habitantes locais, verdadeiras favelas sem infraestrutura alguma, eu que pensei que São Paulo fosse a capital mais fétida, mudei de opinião ao conhecer Maceió, onde as praias são quase todas poluídas, portanto professor, só queria fazer essa ressalva, Porto Velho é sim uma capital suja, mas em Maceió a situação é pior.

JORGE SANTOS - 10/02/2011

Porto Velho é uma porcaria mesmo. Em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba não é qualquer um que dá aula nos melhores colégios particulares e públicos.Aqui se aceita até professor que veio do Nordeste fugindo do desemprego!

Dr. Marcelino M. Rego - 10/02/2011

Para mim na verdade, gostaria é que esse povo falasse mau mesmo de Rondônia e região norte. Já chegaram a falar que o Acre não existe! SE ISSO IMPEDISSE O AUMENTO DA MIGRAÇÃO, SERIA UM FAVOR PARA TODOS NÓS! QUEM QUER UM DESENVOLVIMENTO NOS MOLDES DE RIO,SAMPA?? QUE FIQUE POR LÁ TODO ESSE LIXO!! NÓS NÃO PODEMOS PERDER É O SOSSEGO!!

Rerisson Costa, Carolina Almeida, Sidney... disse...

Rérisson Costa - 10/02/2011

É a pura verdade o que diz: "Tudo se origina da educação, sua parte está sendo mal feita professor", precisamos de uma educação de qualidade, comece a mostrar o caminho se candidate na próxima eleição ou vai ser sempre o mesmo medíocre...

Antônio Carlos Carvalhal - 10/02/2011

Professor de geografia que não é! Não sabe diferenciar sul de sudeste! E outra, a colonização de Rondônia é, macicamente, do Sul do Brasil.

Francisco Xavier Gomes - 10/02/2011

As palavras articuladas pelo autor desse artigo são de muito mal gosto...Sinceramente considero um absurdo esta automaculação...Até admitimos que pessoas sem nenhum compromisso com o estado, como a tal Angélica, digam asneiras desse tipo, mas as pessoas que vivem em Rondônia são , em sua grande maioria pessoas honradas e que trabalham para defender os objetivos que têm...Não gostaria, honestamente, de ter nenhum filho que fosse aluno desse professor Nazareno, uma pessoa com autoestima muito baixa e que sequer avalia o estrago que causa com tantas afirmações infelizes...Ale disso, demonstra ele não ter andado em outras cidades do país, quando admite ser apenas nosso estado problemático...Até mesmo, professor Nazareno, cidades de centros europeus sofrem com alguns dos problemas contra os quais o senhor reclama...Mas o senhor, de modo muito estranho, atribui somente a nosso estado os muitos problemas sociais do planeta...O fato de Rondônia ter problemas de ordem politica e administrativa, entre outros que são peculiares de lugares onde habita o ser humano,não quer dizer que tenhamos que aceitar ofenças suas ou de quem quer que seja...Como vivemos num país democrático, o senhor tem todo direito de falar as bobagens que quiser, mas tem igualmente a liberdade de escolher outro lugar para morar; niguém de Rondônia colocou coleira em seu pescoço para morar no estado...Duvido muito que o senhor com esse pessimismo todo consiga ir muito longe, pois, com certeza, não teria mesmo sucesso...Caso o senhor seja rondoniense, estou decepcionado pelas bobagens que diz contra Rondônia; caso nao seja, deveria voltar para o paraíso de onde nunca deveria ter saído e onde certamente nunca teria nenhum espaço...Mas Rondônia sabe aceitar com carinho e tolerância até mesmo pessoas cuja carga de negativismno beira a imbecilidade...

sidney anderson araujo galeazzi - 10/02/2011

eu gostei o que o professor folou pra ela so porque que trabalhar na tal globo e falar mal de ariquemes mais rondonia sempre e barrado aqui quando o assunto e bbb nemhum e chamado de rondonia isso e preconceito com o pessoal de rondonia agora vem ela disse mal a ondem todo nois moramos aqui ela tem que lavar a boca com sabao e respeita a todos rondoniense aqui eu sou rondonience e quero respeito aqui da nossa gente ok

carolina almeida - 10/02/2011

Engraçado! Nossa terra,nossa cidade é tão ruim e tao feia,tao abandonada mais nao entendendo o porque que tanta gente de outros estados vêm para morar aqui? Me diga Professor Nazamenos!! entao porque o senhor veio mora aqui como tantos,será que a sua cidade e a cidade de outras pessoas que falam mal daqui são boas mesmo?Pelo menos a ignorante da Angelica nao mora aqui e outra ela é APRESENTADORA..E outra se o senhor nao tem o que escrever nao escreva besteira..e lembre-se se o senhor acha nossa cidade suja,feia perceba que a maioria das pessoas que moram aqui são de fora..quem faz e traz a imundice são pessoas de outro estado..e se o senhor nao gosta daqui por favor pelo menos deveria respeita nossa terrinha que acolheu tantas pessoas e todos os rondonienses que gostam de nossa terra..EU SOU RONDONIENSE DE CORAÇÃO E NAO TROCO MEU ESTADO POR NENHUM OUTRO ESTADO..E RECOLHA A SUA INSIGNIFICANCIA!Respeite a terra que tanto lhe recebeu de braços abertos..Faça melhor,escreva assuntos construtivos que possa melhora nossa cidade em vez de critica-la.Como vc escreveu..Todos nós que amamos nossa terra devemos defende o nosso chão.Pense nisso!!!

Comen tários retirados do site www.rondoniaovivo.com.br

Luiz Fernando, Elaine, Dr. Marcelino... disse...

Dr. Marcelino M. Rego - 10/02/2011

Olha sinto falta das ruas com pouco asfalto e das valetas. Todos faziam uma passagem de madeira para os carros entrar na garagem. Toda a noite tinha a musica dos sapos, mas as valetas era para aguas de chuva. A maioria tinha o bom senso de usar fossa! A luz faltava, mas os mais abonados tinham um geradorzinho. Sempre muita gente, sentada nas portas das casas, contando causos ou se inteirando da ultima! Muitos hoje donos de bares e restaurantes, começaram na porta de suas casas. Tempos bons! Tempos de verdadeira irmandade! Sempre houve corrupção e desvios, mas até eles eram menores! Sou um rondoniense de coração! Amo esta terra de paixão e apesar de já ter morado em Belô, Sampa, Rio e fora de nosso Brasil. Não troco essa terrinha por nada!! Mas dizer que quero um desenvolvimento como as grandes capitais que citei? Nunca!! Já chega essa leva de idiotas que veio para cá com as usinas, que se acham o maximo! Em suas terras não tem a minima liberdade nem de andar na rua, pare eles deve ser estranho o habito do portovelhense de comer nas esquinas ou colocar cadeiras nas calçadas em frente de casa. Não queremos aprender com eles a ficar trancados em casa, ou aceitar a impossição das modas importadas pelos jovens delinquentes que vieram junto no exodo das usinas! Queremos nosso sossego, nem que para isso se volte a fazer uso do poção do marechal rondon.

Erica Cristina Verderio Bianco - 10/02/2011

Prof. Nazareno, sábio como sempre e hábil com as palavras. Mas pelos comentários q li, certa mesmo é a passagem bíblica q diz: "não deiteis aos porcos as vossas pérolas". Sabe qndo Rondônia será respeitada nacionalmente? Quando o povo ACORDAR!

Elaine - 10/02/2011

Professor Nazareno não li esta materia desse jeito não, o que vi foi o seguinte: Angelica diz: Já conheci cada lugar no brasil que você nem imagina, você sabe onde fica ariquemes? Repórter diz: No fim do mundo virando a esquerda?? Obvio que ele sim discriminou nosso estado. Pois se não sabe onde fica, melhor que esboçasse nenhum comentário. Abraços

joeser alvarez - 10/02/2011

êh nazareno, com essa popularidade "celeumática" o papel de cristo no próximo espetáculo da jerusalém da amazônia tá praticamente garantido...kkk

luiz fernando - 10/02/2011

parabéns nazareno ...\'\' abre o olho porto velho\'\'

Comentários retirados do site www.rondoniaovivo.com.br

Fábio Júlio, Alexandre Lemos... disse...

datapvh - 11/02/2011

Querem comparar uma cidade de 30 anos com cidades de 300??? é injusto falar mal de porto velho... se temos que criticar alguma coisa deveríamos criticar a cultura que o sistema brasileiro nos oferece, ela é quem nos prepara para eleger os políticos, nos da a base para a vida e valores como seres humanos... graças a ela temos a nossa cidade e o nosso estado como estão hoje e, é graças a nós mesmos que elegemos gente que rouba e, roubaremos, nós, caso algum dia sejamos nós os eleitos para estar no governo... porque é isso que nos ensinaram. A final, quem aqui não quer um empreguinho publico pra trabalhar só meio dia, fazer amigos la dentro e ganhar 150% a mais do salario em gratificações??? Todo mundo aqui antes de falar mal de alguma coisa tem que olhar pra si mesmo e ao redor. Porto Velho, Rondônia, Brasil mudarão somente no dia em que cada um resolver mudar!

Alexandre Lemos - 11/02/2011

Morei um bom tempo no sul, sei bem o que é este preconceito. Mas parabenizo ao professor pelo o maravihoso texto. E que nós rondoniense ou rondonianos temos o privilegio de viver no fim do mundo e vÊ ao longe o problemas deles ( sulista) e ainda termos pena pque eles não possuem todas essa extrutura que temos. Tadinhos!!!

Fabio Julio Perondi Silva - 10/02/2011

Situando-me sobre os últimos acontecimentos, achei interessante a repercussão do comentário da Angélica. Sobre tudo o que penso, irei dizer apenas 2 coisas. Primeiro: Rondônia realmente é um Estado muito novo, e tem em seus governantes o reflexo da sua população, ainda um tanto matuta (não vamos polemizar profNaza). Pois bem, é um tanto ingênuo uma pessoa que se desloca de um grande Centro, repleto de qualidades, situado na esquina do paraíso, abandonar tudo por um Estado como o meu. Aqui estamos habituados a acordar as 5:00, trabalhar de sol a sol, estamos habituados também ao "isolamento amazônico" que acredite, até bem pouco tempo atrás já foi bem maior. Aqui não temos praias, grandes centros, prédios públicos e em alguns bairros a presença do Estado simplesmente não existe. Também não temos ainda nosso hospital municipal e nem vou comentar sobre o transito, o trafico e muito menos as "inovações" políticas de nossos eleitos para não polemizar mais ainda. Você é um louco, que teve a oportunidade de ser feliz e nem sabia. "Nova Rondônia"?? você acreditou nisso??? Meu amigo, aqui já tivemos peripécias melhores, acredite, isso que vem acontecendo é fichinha para o talento de nossos políticos. Natos ou importados, já foram protagonistas dignos de produções hollywoodianas. Em segundo lugar: Pouco me importa o que estrangeiros pensam de onde nasci, cresci, trabalho e vivo, entenda, poderia morar em outro local, talvez até próximo desse local que você comenta ser tão bom, poderíamos ser vizinhos. Mas prefiro aqui, porque estou crescendo com este estado, e não vou ficar com "vi@dagem" entregando os pontos para as mazelas da vida. Acredite, já tivemos por aqui muitos aventureiros, que perderam tudo pela busca de um eldorado. Muitas vezes saiam daqui esbravejando contra esta terra, e com o rabinho entre as pernas. A mesma importância que dou para estes comentários, dou a pessoas como a Angélica (mesmo que seja por um comentário infeliz), simplesmente quando tenho oportunidade falo bem do meu estado, pois vivo dele o melhor... a incrível expectativa em ver este estado melhor, desenvolvido com mais justiça social. E eu quero SIM fazer parte de tudo isso. E para isso a partir de hoje estamos dispensando pessoas que não agreguem valor ao nosso Estado, seja feio ou amargurado na vida Por último, nós todos sabemos que esse comentário infeliz não tem o mínimo fundamento. todo mundo que é do interior aqui no fim do mundo, sabe que chegando, Ariquemes esta a direita. Ohh povinho burro esse da Globo.

Comentários retirados do site www.rondoniaovivo.com.br

Jéssica, Michele, Deisy... disse...

Deisy - 19/02/2011

O texto é lúcido. Vamos raciocinar!? Alguém conhece o filme Um dia sem Mexicanos!? Então, façamos o seguinte: Um dia sem "os de fora", mandaremos para sua terra natal, todos os engenheiros e funcionários das usinas que não são natos Rondonienses, todos os bons médicos que vieram de fora para suprir a necessidade daqui (que não são muitos), todos os funcionários públicos com cargos de responsabilidade e todos os grandes empreendedores. O que vai sobrar!? Será que "os daqui" vão suprir com qualidade o problema que esta exclusão ocasionará? Acordem: antes de comentar o texto com erros de português gritantes e com argumentos duvidosos, lembrem-se de como e por quem Rondônia foi colonizado.

michele - 17/02/2011

Nasci aqui amo esse estado,ela a Angélica perdeu uma boa oportunidade de ficar calada.Aqui é um estado novo com muito potencial mas vem pessoas como ela matar a fome aqui e ainda saem falando mal.Assim como tem aqueles que amam essa terra e são rondonienses de coração.Vamos despertar Rondônia e por pra fora essa corja de politicos corruptos e esses passa-fome que vivem falando mal daqui.


nicolas mota - 13/02/2011

so achei um exagero que so elegemos ficha limpa.


Jéssica Fróes - 11/02/2011

Nasci e sempre morei em PVH, so tinha feito viagens para a cidade de Manaus e uma vez pra uma cidade no Piauí, e recentemente, fiz uma viagem pra Vitória, no Espiríto Santo. Somente quando vc faz uma viagem dessa q vc se dá conta q realmente Porto Velho é o fim do mundo a esquerda, uma cidade q num tem nada,q realmente é um lixo, creio q a única capital do Brasil que seja assim. Infelizmente o que acontece é que nossa cidade é vítima de políticos corruptos, pq não é possível o tanto de dinheiro que está sendo enviado para o Estado em contra partida das Usinas, infelizmente é a bandidagem do nosso exelentissímo Prefeito e cia!

Luk@s disse...

Fala sério o cara só falta dizer que rondonia é o inferno, e agora vem com esse papo!

Luizcomz disse...

Li todos os comentários. Impressionante. É por isso que existem as charges. Desenhando, talvez seja melhor!

Luizcomz disse...

Adoro o fim do Mundo! Afinal (sem trocadilho), \'fim do mundo\' lembra fim de algo... \'fim da picada\', \'fim de festa\', \'fundo do poço\', e por falar em \'fundo\'... a gente sabe que: \'No FUNDO NO FUNDO, todo mundo é gente boa!\' Façam como eu e minha familia... Vem pro fundo! No fundo é quentinho (agora, com trocadilho), no fundo é que fico acumulado o açúcar, portanto, mais doce de se viver! Angélicas, Nazarenos, políticos, \'deforas\' e \'dedentros\'... Toda cidade tem os \'seus\'! Sou feliz onde moro, o resto é vizinho. E sabe o que diz a Lei da Boa Vizinhança? Seja um bom vizinho que você nunca sabe quando vai precisar de açúcar ou de sal!

Natan Castelano disse...

Bela irônia, mas se o que deseja é mudar essa nação, uma redação é muito pouco para isso

Anônimo disse...

Continue assim. Acabe com o que te sustenta.

Fladpsyko disse...

Coitado do Norte! Os sulistas -istas-istas fazem pouco daqui lá fora! E a culpa é de quem? A culpa é minha, e eu boto em quem quiser!